Nordeste pede apoio da China para combater o Coronavírus e tem resposta positiva ~ Ceará da Gente

Nordeste pede apoio da China para combater o Coronavírus e tem resposta positiva

22.jul.2019 - Rui Costa, governador da Bahia - Divulgação/Governo da Bahia
Ruy Costa- Governador da Bahia. Foto: Divulgação
Os governadores do Nordeste decidiram, após um encontro virtual, fazer uma consulta ao governo da China para saber a possibilidade de ajuda do país diretamente aos estados da região no enfrentamento à pandemia de coronavírus. 

A carta, assinada pelo presidente do Consórcio Nordeste, o governador da Bahia, Rui Costa (PT), faz o questionamento diretamente ao embaixador chinês no Brasil, Yang Wanming.

No documento, ele consulta o governo da República Popular da China, "que acaba de viver um problema semelhante, do qual saiu vitorioso", sobre a "possibilidade de seu apoio e sua colaboração por meio do envio de materiais médicos, de insumos e de equipamentos que possam ajudar a combater o flagelo que estamos enfrentando." 

A consulta ainda afirma que, em especial, "temos necessidade de leitos de UTI e de respiradores, pois as projeções de enfermos indicam que haverá déficit deste equipamento em momento de pico da epidemia." 

O embaixador chinês é o mesmo que, esta semana, trocou farpas com o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), após o parlamentar acusar a China de omitir informações sobre a epidemia do país. 

Por fim, a carta assinada elogia a ação chinesa durante a pandemia de covid-19. "Reafirmamos a admiração pela forma como o povo chinês enfrentou a epidemia e pela imensa amizade que une nossos povos."

Resposta Positiva

Embaixador da China dá resposta positiva ao Consórcio Nordeste: 'Vamos esforçar por isso'
Embaixador da China, Yang Wanming. Foto: Divulgação
O embaixador do país asiático no Brasil, Yang Wanming, deu uma resposta através do Twitter neste sábado (21). A réplica foi positiva.

Sr. governador, já recebemos a sua mensagem. Vamos esforçar por isso", escreveu o emissário.

O documento, assinado pelo governador baiano, presidente do Consórcio, solicita colaboração "por meio do envio de materiais médicos, de insumos e de equipamentos". Ainda conforme o ofício, há a necessidade, em especial, "de leitos de UTI e de respiradores, pois as projeções de enfermos indicam que haverá um déficit deste equipamento no momento de pico da epidemia".

O pedido ocorre em meio à crise diplomática entre os dois países em virtude de postagens do deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL), que indicou a China como culpada pela pandemia do novo coronavírus.



Casos oficiais de covid-19 no Brasil



0100200300400500600700800900100026/fev27/fev28/fev29/fev01/mar02/mar03/mar04/mar05/mar06/mar07/mar08/mar09/mar10/mar11/mar12/mar13/mar14/mar15/mar16/mar17/mar18/mar19/mar20/mar11111122222222338813131919252530303434696978789898121121


Fonte do Gráfico: Ministério da Saúde

Fonte: Uol e Bahia Notícias