Igrejas Evangélicas enviam solicitação a Camilo para reabertura como item de serviço essencial aos cearenses


Solicitação de Reabertura das Igrejas e Templos

Um documento enviado pela UNIGREJAS- União Nacional das Igrejas e Pastores Evangélicos, solicita ao Governador Camilo Santana a reabertura de igrejas e templos, e sua inclusão no rol de serviços essenciais à população cearense, para prestar assistência religiosa e social aos necessitados, sem a realização de cerimônias.

vejam o conteúdo da solicitação na íntegra:


UNIGREJASUnião Nacional das Igrejas e Pastores Evangélicos
Solicitação de Reabertura das Igrejas e Templos

Ao Excelentíssimo Senhor Governador Camilo Santana,
A UNIGREJAS, associação de igrejas e pastores evangélicos, que representa mais de 30.000 pastores e líderes de diferentes denominações evangélicas em todo Brasil, vem por meio desta expor e solicitar o que segue:
Diante da situação que o Brasil está enfrentando na luta contra o corona vírus, e;
CONSIDERANDO que as igrejas são locais de acolhimento de pessoas aflitas;
CONSIDERANDO que as igrejas são parceiras do poder público e prestam relevantes assistências tais como: emocional, psicológica e espiritual à todas as pessoas, principalmente aos mais necessitados e às pessoas mais humildes, nos locais mais diversos, inclusive naqueles onde não há sinal de internet ou onde as pessoas não possuem aparelhos de telefone celular;
CONSIDERANDO que as igrejas são lugares onde muitas pessoas chegam desesperadas, em busca de uma ajuda urgente;
CONSIDERANDO a busca constante, principalmente nos últimos dias, de assistência religiosa, por pessoas completamente desorientadas, tomadas pelo pânico, temendo desemprego, com medo da morte, ou seja, apavoradas e desesperadas;
CONSIDERANDO que as igrejas de portas abertas são locais onde os pastores, os líderes religiosos que estão ali, prontos para prestarem socorros espirituais e conforto através da Palavra de Deus, neutralizando o medo e o pânico. Portanto , dando o alívio e paz para quem se socorre nas igrejas;
CONSIDERANDO que as igrejas possuem a capacidade de reacenderem a esperança na população, sentimento crucial neste momento tão incerto;
CONSIDERANDO a existência de diversos casos em que as igrejas prestam assistência às pessoas com depressão e ansiedade, inclusive aos que já tentaram suicídios;


CONSIDERANDO a assistência constante e contínua aos adictos e alcoólatras, e a impossibilidade de interrompimento deste acompanhamento;
CONSIDERANDO a participação dos líderes religiosos, de forma voluntária, com a divulgação de instruções para prevenção e combate à disseminação do novo corona vírus;
CONSIDERANDO a existência de diversos Decretos (Estaduais e Municipais) determinando o fechamento das igrejas;
CONSIDERANDO a necessidade de combate à disseminação e a prevenção de contaminação pelo COVID-19, para isso a proibição de aglomeração de pessoas;
Solicitamos, por meio desta petição eletrônica, ao Governo do Estado do Ceará:
a) autorização para abertura das igrejas e templos religiosos, sem realização de cerimônias, mas para prestar assistência religiosa e social aos necessitados, sempre com as cautelas de distanciamento e sem aglomerações;
b) o reconhecimento da assistência religiosa prestadas pelas igrejas no rol de serviços essenciais à população, bem como a inclusão das igrejas nas listas de serviços essenciais.
Certo de que as nossas solicitações serão atendidas, fazemos votos de considerações.