Bebê de um ano está internado com suspeita de coronavírus na Bahia

Turistas usam máscara em Veneza. Criança internada na Bahia com suspeita de coronavírus chegou da Itália (Andrea Pattaro/AFP)
Um bebê de um ano que esteve em viagem recente à Itália está internado em isolamento no Hospital Manoel Novaes – Santa Casa de Misericórdia, em Itabuna, no sul da Bahia, com suspeita de ter contraído a Covi-19, a infecção provocada pelo novo coronavírus.
De acordo com a Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab), o bebê, cujo sexo não foi informado, chegou há 12 dias de uma viagem à Itália, onde esteve com os pais e avós, os quais não possuem sintomas de contaminação.
A Sesab informou que foram coletadas amostras de secreção respiratória do bebê para a realização de exames específicos no Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen), conforme orientação do Ministério da Saúde.
Os exames serão processados conforme Protocolo internacional, através de exame PCR para Influenza e outros vírus respiratórios. As amostras negativas serão enviadas ao Laboratório de Referência Estadual (FIOCRUZ – RJ) para identificação do Coronavírus, informou a Sesab.
Ainda de acordo com a pasta, “o paciente encontra-se estável, em isolamento (respiratório/contato) dentro da unidade, não ocasionando riscos para nenhum outro paciente internado na instituição, bem como para nenhum de seus colaboradores”.
A Divisão de Vigilância Epidemiológica (Divep) está monitorando os contatos do paciente e adotando as medidas de precaução cabíveis até que o diagnóstico seja definido.
A Sesab, através do Lacen, é um dos três únicos laboratórios públicos estaduais que vem disponibilizando um teste rápido PCR multiplex que identifica 21 tipos de vírus respiratórios em um período inferior a duas horas. 
Caso descartado
Um outro caso suspeito de Covid-19, também de uma pessoa que esteve em viagem recente para a Itália, foi descartado pela Sesab nesta terça-feira. A paciente é uma idosa que esteve na região da Siena, e de acordo com a Sesab, ela foi detectada com o vírus Influenza A. Ela está em isolamento por precaução desde o atendimento.
Nesta terça-feira, a Itália registrou a 11ª morte por conta do nCov-2019 (nome do novo coronavírus descoberto em dezembro, em Wuhan, na China. Covid-19 é o nome da doença infecciosa causada pelo vírus). Ao todo, 322 casos foram confirmados da doença pelo Ministério da Saúde italiano. As cidades mais atingidas são do norte e nordeste do país, e há registros também ao sul.
Fonte: Correio 24 Horas