A História da Educação contada na poesia do Professor Rosemir Carmo ~ Ceará da Gente

A História da Educação contada na poesia do Professor Rosemir Carmo


EDUCAÇÃO: COMO TUDO COMEÇOU

Rosemir Carmo


A história nos mostra
Que a educação informal
Perdurou por muito tempo
Através da família patriarcal
Em que filhos imitavam seus pais
Num processo desigual.

A transmissão de valores,
E saberes existentes
Era feita pelos mais velhos
Através de olhos atentos
Das crianças que deveriam
Do ofício dos pais dar prosseguimento

Por isso a desigualdade
De classe e etnia
De direitos e deveres
Entre pobre e burguesia
A injustiça reinava
Em meio a tirania.

Se considerarmos o modelo
De escola que temos hoje
Em que um professor ensina alunos
A descobrir um mundo novo
Veremos que foi a Europa a fundar
As primeiras escolas no século doze

Na Grécia antiga sabemos
Era costume local
Juntar todas as crianças
Para a educação informal
Sem divisão de série e sala
Para eles era normal.

Na Europa Medieval
O saber existente
Era direcionado a alguns
Da igreja ali presente
Também a alguns nobres adultos
Eram-lhes dado conhecimento.

A palavra escola
Vem do grego “scholé
Que pasmem, os senhores
E acreditem se quiser
Significa “lugar do ócio”
Ainda bem que não mais é.
Na Grécia foram os filósofos
Que muitas escolas fundaram
Para ensinar eloquência
Assim Sócrates os lembravam
Mas tinham várias outras áreas
Dependia de quem as administravam.

Eram escolas diferentes
Das escolas que temos hoje
Voltavam-se para a reflexão
E pensamento de seu povo
O que os filósofos ensinavam
Era ser um homem novo.

As escolas multitemáticas
Que temos nos dias atuais
Surgiram entre dezenove e vinte
Séculos que ficaram pra trás
Com Ciências, Matemática
História e tudo mais.

E no Brasil, como se deu
A educação formal
Com professores e alunos
Em uma escola normal
Com alunos aprendendo
As matérias e etecetera e tal?

A educação brasileira
Foi fruto dos Jesuítas
Padres que aqui chegaram
Juntamente com suas missas
Para catequizar os índios
E ensinar suas cartilhas.

Várias reformas aconteceram
No campo da educação
Falavam de democracia
Para toda a Nação
Mas na prática todos sabemos
Sempre foi uma ilusão

É claro que estou falando
De uma educação de valor
Que não assegura apenas matrícula
Mas que para pobre seja primor
Assim como é para os ricos
Como forma de pudor.


Foram muitos brasileiros
Que a educação revolucionaram
Lutando por novos métodos
Buscando sempre um ideário
Falando de uma educação igual
Para ricos e operários

Alguns citarei adiante
Que muito pela educação lutaram
Com reformas, Leis, sugestões
Como fruto de seu trabalho
Seremos eternos agradecidos
Por nós muito terem lutado.

Nísia Floresta, Darcy Ribeiro
Rubem Alves, Saviani
Anísio Teixeira, Roquete-Pinto
Paulo Freire, Florestan Fernandes
Rui Barbosa, Manoel Bonfim
São alguns representantes.

Já imaginou se o homem
Sempre leigo permanecesse?
Nunca teria descoberto
O bem que a educação tem feito
Provavelmente morreria na ignorância
Sem a Ciência e seus efeitos.

Por isso é preciso
Não somente conhecer
Mas sermos gratos às descobertas
Que ajudaram a nos trazer
Um conhecimento imensurável
E muitas coisas desenvolver.

(Poesia construída com exclusividade para o Site Ceará da Gente)